Osteoporose e a saúde bucal

Osteoporose e a saúde bucal
18/10/2019

A osteoporose é uma doença progressiva, caracterizada pela redução da densidade óssea, o que aumenta a sua fragilidade e consequentemente o risco de fraturas. Mas o que pouca gente sabe é que a doença também atinge a saúde bucal, com grandes riscos para a mandíbula e o maxilar. Estudos sobre osteoporose nos ossos da face podem ser encontradas na literatura. No entanto, não há estudos que incluem a análise da atividade muscular e força de mordida máxima do sistema estomatognático. Os sinais maxilares para osteoporose podem ser importantes indicadores dessa doença degenerativa, podendo interferir na conduta do dentista, por exemplo, cirurgias de integração óssea. (Vargas RM et al Revista das Ciências da Saúde do Oeste Baiano – Higia 2018; 3 (1): 14-27)

Além de causar alterações no tecido em torno dos dentes (o periodonto), a doença pode ainda agravar condições já existentes. Os efeitos da osteoporose na cavidade bucal incluem a redução do rebordo alveolar (estrutura que aloja as raízes dos dentes), diminuição da massa e da densidade óssea maxilar e até mesmo a perda dos dentes. 

O exame de densitometria óssea é considerado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), como o principal recurso diagnóstico para a osteoporose, mas a radiografia panorâmica pode ser usada pelo cirurgião-dentista para detectar a doença em âmbito bucal.

 Mulheres no período do climatério, entre os 40 e os 65 anos, são as mais afetadas pela osteoporose, devido a queda hormonal nesta fase. A principal forma de tratamento é a prevenção, por meio da ingestão adequada de cálcio e vitamina D e da prática de atividades físicas regulares. 

Fonte:

Monaco EG. La osteoporosis. Sus efectos sobre la cavidad bucal. Acta Odontol. Venezolana. 37 (2): 95-7, 1999.

Alves ERP, da Costa AM, da Silva Bezerra SMM, et al. Climatério: a intensidade dos sintomas e o desempenho sexual. Texto Contexto Enferm. 2015 Jan-Mar;24(1):64-71. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/tce/v24n1/pt_0104-0707-tce-24-01-00064.pdf. Acesso em: 10 ago. 2018.

http://revodonto.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-52762014000400016&lng=pt&nrm=iso

COMPARTILHAR NAS REDES SOCIAIS